Dez de Ouros do Baralho do Crime morre na Boca do Rio

Cláudio Santos Nascimento, o Zinho, morreu depois de ser baleado durante um tiroteio com policiais militares na Boca do Rio, na manhã de ontem. Ele era o 10 de Ouros do Baralho do Crime – ferramenta criada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) com a lista dos bandidos mais perigosos do estado.

Ele foi socorrido, mas não resistiu (Foto: Divulgação SSP)

Segundo a SSP, equipes das Rondas Especiais (Rondesp) Atlântico encontraram com Cláudio na comunidade do Bate Facho, no final da manhã. Durante o tiroteio, ele foi atingido e socorrido para o Hospital Geral Roberto Santos, mas não resistiu aos ferimentos. Os policiais encontraram com ele ma pistola calibre 9mm, de uso restrito das Forças Armadas e da Polícia Federal, além de drogas.

De acordo com a SSP, Cláudio era líder do tráfico de drogas, nos bairros de Mussurunga e Itapuã, e tinha participações em homicídios e roubos. Ele também estava com mandado de prisão em aberto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *